Talude perto de barragem se movimentou 5 milímetros nas últimas 12 horas

0
2
Gostou do post?


A Defesa Civil Estadual continua monitorando a movimentação de um talude distante 1,5 km da barragem Sul Superior da mina Gongo Soco, da Vale, em Barão de Cocais, na região Central do Estado. A situação, segundo tenente-coronel Flávio Godinho é “preocupante”. Nesta quarta-feira (15), ele informou que a terra se movimentou, em 12 horas, de 4 para 5 milímetros no local, mas não é possível precisar se a movimentação irá permanecer. 

“Esse talude movimentando não é indicativo que a barragem vai romper. Ele é uma possibilidade. Ele pode gerar uma movimentação do terreno que pode ser um indicativo para a barragem se romper”, explicou Godinho.  Ele ainda disse que a Defesa Civil está monitorando a situação na região. 

Na noite dessa terça-feira, a Vale já havia confirmado a movimentação do talude.

No último dia 8 de fevereiro, 443 moradores deixaram seus lares após sirene tocar indicando possibilidade de rompimento da barragem Gongo Soco. Essas pessoas têm ficado em hotéis, casas de parentes ou residências alugadas pela Vale. 

Fonte do link

Comentários no Facebook