Suprema Corte dos EUA nega limitação de acesso de alunos trans a banheiros de escolas



A Suprema Corte dos Estados Unidos se recusou, nesta segunda-feira (7), a invalidar uma política das escolas públicas do estado do Oregon que permite a estudantes transexuais usar banheiros e vestiários de acordo com o gênero com o qual se identificam.
Leia mais (12/08/2020 – 11h52)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários