Show de Gusttavo Lima é cancelado sem multa por quebra contratual

A Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, na região Central de Minas, informou ter conseguido cancelar a contratação milionária do cantor Gusttavo Lima sem a necessidade de arcar com a multa por quebra de contrato, equivalente a R$ 600 mil.

A cláusula previa pagamento de 50% do valor do show, orçado em R$ 1,2 milhão, caso o município desistisse da contratação do artista. No entanto, conforme nota divulgada neste sábado pela Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, “um instrumento de destrato foi assinado com o cantor Gusttavo Lima, sem qualquer ônus e dispêndio ao município”.

O imbróglio envolvendo o nome do artista e o município mineiro ocorreu após a contratação de um show de R$ 1,2 milhão com verba pública da Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, que tem mais de um terço dos moradores vivendo abaixo da linha da pobreza.O município tem 17.500 habitantes, sendo que 6.152 delas dependem do Auxílio Brasil, benefício do governo federal fornecido a famílias com renda de até R$ 210 por pessoa.

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários