Senadores articulam aumentar poder de sindicatos para aprovar MP de corte de salários

Senadores articulam aumentar o poder dos sindicatos em troca da aprovação da MP (Medida Provisória) da redução de jornada, corte de salário e suspensão de contratos de trabalho.

A ideia dos congressistas é resgatar um dispositivo retirado na Câmara que dizia que demissões e quitações de rescisão de contrato de trabalho só teriam validade após acompanhamento do sindicato.

As negociações são conduzidas por entidades sindicais e coordenadas pelos senadores Otto Alencar (PSD-BA) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Eles pretendem pressionar o governo a aceitar alterações por meio de projetos de lei.
Leia mais (06/03/2020 – 20h45)

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

15 − 10 =