Seis anos após levantar bandeira, Bom Senso tenta virar sindicato



Após organizar protestos em rodadas do Brasileiro há seis anos, ser recebido pela então presidente da República e questionar dirigentes de clubes e da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), o movimento de jogadores batizado de Bom Senso tenta virar um sindicato.

Integrantes do grupo que se organizou em 2013 querem legalizar junto ao governo federal o Sindicato dos Atletas Profissionais de Futebol do Município de São Paulo (SIAFMSP). Segundo César Sampaio, um do ex-jogadores do movimento, a ideia é começar o trabalho pela capital paulista e depois seguir para o restante do estado e do país.
Leia mais (09/11/2019 – 17h17)

Fonte do link