Saiba o que ver na Virada Cultural de São Paulo de acordo com o seu perfil

[ad_1]

Sim, vai ter mais lives. Neste ano, por causa da pandemia de coronavírus, a Virada Cultural de São Paulo não vai ter multidões para pular de palco em palco, gente perambulando pelas ruas em busca de peças, fãs virando a noite em festinhas ou formando filas para conferir exposições de graça. Como tem sido praxe desde que o mundo virou de pernas para o ar, a Virada vai mergulhar de cabeça nas transmissões online.

Marcada para acontecer das 18h de sábado, dia 12, até as 18h de domingo, dia 13, a 16ª edição do evento perde o apelo físico -apesar de ainda manter algumas atrações presenciais-, mas deixa suas cerca de 400 atrações à distância de um clique, disponíveis para quem vive em outras cidades.

A programação aposta em trios elétricos, projeções e até no lançamento de um museu de arte urbana online, o Mar 360°. Há ainda eventos que refletem assuntos que estão à flor da pele, como racismo, feminicídio, temas indígenas e queimadas na Amazônia.
Leia mais (12/10/2020 – 16h00)

Fonte do link

[uam_ad id="6960"]