Robótica neuroevolucionária: Como romper o hiato entre simulação e realidade


Esta técnica é muito elegante e funciona de forma muito eficiente nas simulações – mas não funciona quando aplicada aos robôs.

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários