Reino Unido nega retorno e cidadania a 'noiva do Estado Islâmico'



A Suprema Corte britânica acabou com os sonhos de voltar para casa de Shamima Begum, uma ex-cidadã do Reino Unido que fugiu aos 15 anos de idade para entrar no Estado Islâmico, na Síria. Nesta sexta (26), o principal tribunal britânico negou recurso em que ela pedia para retornar a seu país natal.
Leia mais (02/26/2021 – 13h27)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários