Rapper é preso e amigos apontam truculência na ação policial


O rapper Salvador da Rima foi preso por um grupo de policiais na manhã deste sábado (27), na Zona Leste de São Paulo. O artista teria sido retirado à força de sua casa, onde estava com amigos – um deles, MC Cebezinho, foi um dos que registraram imagens do ocorrido. As cenas apontam uma truculência na ação, com muitas pessoas no entorno e policiais sacando suas armas. Nelas, Rima aparece sendo empurrado, em certo momento já com a camisa rasgada, enquanto amigos e sua namorada tentam insistentemente defendê-lo, sendo empurrados. Muitos tentam argumentar que todos estão desermados.

Em um dado momento, Rima é jogado sobre o capô de uma viatura. Depois, aparece com feições desesperadas, enquanto um dos amigos grita que ele está sendo asfixiado. Mais sirenes são ouvidas e as pessoas seguem pedindo calma. Um policial se assenta sobre as pernas do rapper, impedindo-o, com o seu peso, de tentar fugir. Mesmo com ele já imobilizado, os policiais acionam sprays na direção dos colegas. São mais de dez policiais envolvidos na ação, como mostram as imagens. O caso aconteceu por volta do meio-dia. O rapper está no 67º DP.

Ainda não se sabe o que motivou o prisão do rapper. A produtora GR6, que gerencia a carreira do artista, comunicou que, por meio de seus advogados, está acompanhando o registro da ocorrência para tentar entender sobre quais bases ela foi realizada. 

 

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários