PSL diz que vai expulsar deputado Daniel Silveira, preso após ataques ao Supremo



O presidente nacional do PSL, deputado Luciano Bivar (PE), informou que o partido vai expulsar do partido o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) após ataques feitos a ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

“A Executiva Nacional do partido está tomando todas as medidas jurídicas cabíveis para o afastamento em definitivo do deputado dos quadros partidários”, informou Bivar em nota.

No comunicado, o presidente da sigla diz que “a Executiva Nacional do PSL repudia com veemência os ataques proferidos pelo deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), ofendendo, de maneira vil, a honra dos mesmos, bem como proferindo críticas contundentes à instituição como um todo”.

Silveira foi preso em flagrante na noite de terça-feira (16) por determinação do ministro Alexandre de Moraes, do STF.
Leia mais (02/17/2021 – 09h56)

Fonte do link