Por que somos tão perdidos hoje e o que Borges e 'Blade Runner' têm a ver com isso

[ad_1]

Corredores de shoppings, de hotéis, de cassinos. As avenidas da internet —aquelas captadas por satélites e câmeras do Google, mas também os meandros virtuais, em ramificação infinita. A fragmentação do espaço faz com que cada vez seja mais difícil saber onde estamos. A incapacidade crescente de reconhecer o espaço e as diferentes maneiras de entender esse conceito são o tema de “Salto no Escuro”, que o fotógrafo Tuca Vieira acaba de lançar.
Leia mais (04/26/2021 – 16h00)

Fonte do link

[uam_ad id="6960"]