Polícia Federal desarticula quadrilha de brasileiros e venezuelanos por contrabando de ouro

A Polícia Federal realizou na manhã desta sexta-feira (6) uma operação para desarticular uma quadrilha formada por brasileiros e venezuelanos que contrabandeou ao menos 1,2 tonelada de ouro nos últimos três anos, avaliada em R$ 230 milhões. O mineral teria sido extraído de garimpos da Venezuela e de garimpos clandestinos em Roraima.
 
A PF cumpriu 85 mandados nos estados do Amazonas, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima e São Paulo, expedidos pela 4ª Vara Federal de Roraima após representação do órgão policial e manifestação do Ministério Público Federal. A Justiça autorizou ainda o bloqueio de até R$ 102 milhões dos suspeitos.
 
São cumpridos 17 mandados de prisão preventiva, 5 de prisão temporária, 48 buscas e apreensões e 15 bloqueios de bens. 
Leia mais (12/06/2019 – 13h00)

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

7 + 12 =