Ônibus é queimado e suspeito deixa bilhete em rua do bairro Ouro Minas


Um ônibus ficou completamente destruído depois que um suspeito ateou fogo a ele no fim da noite desse domingo (15). O crime aconteceu no ponto final da linha 3503A (Santa Terezinha/São Gabriel), na rua Santa Leopoldina com rua dos Abades, no bairro Ouro Minas, região Nordeste de Belo Horizonte. 

O responsável pelo ataque até deixou um bilhete com o motorista do coletivo, mas o conteúdo do recado não está disponível no boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. 

Segundo o funcionário da linha, ele chegara há pouco na rua Santa Leopoldina, quando apareceu diante dele um homem com o rosto coberto por um capuz e arma em punho – o motorista acredita que seja uma pistola semiautomática. A ele, o suspeito ordenou que não lhe dirigisse o olhar e que destampasse o reservatório de gasolina do veículo. 

Assim, o criminoso entregou o bilhete e mandou que o motorista corresse para longe dali. Logo que as chamas engoliram o coletivo, o suspeito entrou em um carro Chevrolet Ônix, com placa de Campinas, e escapou, como contou o funcionário. 

A Polícia Militar e a perícia da Polícia Civil estiveram no local para procurar suspeitos e coletar provas referentes ao crime, mas ninguém havia sido preso até a manhã desta segunda-feira (16). 

O Corpo de Bombeiros e a Cemig também foram acionados, para combater o incêndio e para garantir que as chamas que atingiram a fiação da rua não prejudicassem o fornecimento de energia elétrica no bairro. 

Fonte do link