Onde a física quântica encontra a vida



É comum a física quântica ser descrita como “contraintuitiva”. E não é para menos: afinal, uma teoria que fala de átomos que atravessam “paredes” como fantasmas, partículas distantes entre si que se comunicam como que por telepatia, e elementos que existem em mais de um lugar ao mesmo tempo, indo de encontro às leis da física clássica que conhecemos, soa no mínimo estranha. Boa parte dos cientistas considera, contudo, que suas esquisitices se restringem ao mundo microscópico ? aquele dos átomos, elétrons e prótons ?, mas que elas não afetariam o mundo visível das coisas grandes e vivas. Não é o que diz, entretanto, uma área relativamente nova na ciência: a biologia quântica.
Leia mais (04/13/2022 – 07h06)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários