O que um 29 a 0 não mostra

Convencionou-se, no futebol brasileiro, chamar uma derrota acachapante de “vexame” ou “vergonha”. Fala-se também em “humilhação”. Essas palavras foram e ainda são frequentes em discussões sobre o fatídico 7 a 1 que a seleção masculina tomou em 2014.
Leia mais (10/26/2020 – 23h15)

Fonte do link