'Não errei nenhuma', diz Bolsonaro ao insistir em tratamento precoce e em críticas a isolamento



Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada na manhã desta segunda-feira (1º), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nunca ter errado ao longo da pandemia de Covid-19 ao defender o ineficaz tratamento precoce, criticar medidas restritivas e ao dizer que só pode comprar vacinas após aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), apesar de não ter feito isso com os imunizantes utilizados atualmente no Brasil.

“Desculpe aí, pessoal, não vou falar de mim, mas eu não errei nenhuma desde março do ano passado. E não precisa ser inteligente para entender isso. Tem que ter um mínimo de caráter. Agora só quem não tem caráter que joga o contrário”, disse Bolsonaro em uma conversa gravada e transmitida por um canal de internet simpático ao presidente.

No diálogo, Bolsonaro voltou a defender o tratamento precoce, afirmando que “é um direito do médico trabalhar off label”, expressão que tem utilizado ao longo da pandemia para defender o uso de medicamentos que não têm eficácia comprovada contra a Covid-19.
Leia mais (03/01/2021 – 14h36)

Fonte do link