Mourão diz que culto é diferente de balada e que, com máscara e distanciamento, há condições de acontecer



Diante da liberação de cultos e missas no Brasil em meio ao agravamento da crise de Covid-19, o vice-presidente Hamilton Mourão disse que as celebrações são diferentes de baladas e que, com máscara e distanciamento, é possível que ocorram.

“As pessoas que frequentam culto e templo, né, são pessoas até mais disciplinadas. É diferente de balada, essas festas clandestinas que acontecem. Não vou colocar no mesmo nível isso aí, são atividades totalmente distintas. Uma é espiritual e a outra é corporal, vamos dizer assim”, afirmou Mourão a jornalistas na manhã de segunda-feira (5), ao chegar à Vice-Presidência.
Leia mais (04/05/2021 – 11h16)

Fonte do link