Médicos e professores



Há muito tempo venho me perguntando por que pensamos a formação de futuros médicos como algo que demanda um intenso caráter profissionalizante mas não fazemos o mesmo com os cursos de pedagogia e licenciaturas, como se preparo profissional fosse algo menos nobre nestes casos. Explico-me: para o exercício da medicina, os estudantes, desde o início do curso, frequentam o hospital universitário, observam procedimentos, vão progressivamente assumindo, sob a supervisão de médicos experimentados, parte de procedimentos terapêuticos, antes mesmo da residência médica que completa sua formação.
Leia mais (09/27/2019 – 02h00)

Fonte do link

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here