Juiz absolve homem flagrado por portar maconha de prestar serviços comunitários

Um juiz de Santos (SP) absolveu um homem da pena de prestar três meses de serviços comunitários por ter sido flagrado portando um cigarro de maconha e uma trouxinha da droga no bolso. O magistrado afirma que o artigo que prevê punição para o porte de drogas para uso pessoal é inconstitucional.Leia mais (05/28/2021 – 23h16)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários