Filhos de jornalista saudita perdoam assassinos do pai



A família de Jamal Khashoggi anunciou nesta sexta-feira (22) que perdoou os assassinos do jornalista saudita.

O colunista do jornal americano Washington Post foi morto no consulado saudita em Istambul, na Turquia, em outubro de 2018. Segundo a CIA (agência de inteligência americana), o crime foi ordenado pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed Bin Salman, na tentativa de calar o jornalista, crítico do regime.

“Se uma pessoa perdoa e se reconcilia com outra, a sua recompensa é dever de Alá”, disse um dos filhos do jornalista, Salah, pelo Twitter, citando um verso do Corão. “Portanto, nós, filhos do mártir Jamal Khashoggi, anunciamos o perdão àqueles que mataram nosso pai.”
Leia mais (05/22/2020 – 16h31)

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 + 6 =