Festejo do Boi Rosado é dia 24 de Junho em Cordisburgo -MG

0
62
Festejo do Boi Rosado é dia 24 de Junho em Cordisburgo -MG
Gostou do post?

Festejo do Boi Rosado  em Cordisburgo-MG, cidade natal de Guimarães Rosa.

No dia 24 de junho de 2018 (domingo) o folguedo Boi Rosado fará um grande festejo (Rei-boi-liço Rosado Junino ) para comemorar os 10 anos de criação do folguedo, os 110 anos de nascimento do escritor Guimarães Rosa ( 27/06), o Dia Nacional do Bumba-meu-boi ( 30/06) e de São João ( 24/06).

A primeira atividade do folguedo acontecerá às 11 horas com uma visita do Boi Rosado e seus brincantes a Gruta do Maquiné. Depois às 16 horas na Praça da Matriz da cidade de onde partirá em cortejo com visitantes e moradores da cidade até o Museu Casa Guimarães Rosa.

Na oportunidade será lançado o projeto Travessia Iluminada que propõe em levar o Boi Rosado a outras cidades de Minas.

Atividades: aboio, cortejo, ciranda, contação de histórias, comidas típicas e doação de mudas de árvores.

RESUMO:

O que? Festejo do Boi Rosado  em  Cordisburgo  ( Rei-boi-liço Rosado Junino)
Quando? Dia 24 de junho às 16 horas
Onde? Praça da Matriz de Cordisburgo – MG
Quem ? Folguedo Boi Rosado
Motivos? Comemoração dos 10 anos do Rosado, 110 anos de nascimento de Guimarães Rosa e do Dia Nacional do Bumba-meu-boi, Dia de São João.
Realização: Irmandade Sociedade dos Amigos do Boi Rosado
Apoios: Museu Casa Guimarães Rosa/SUMAV/SEC; Gruta do Maquiné; Prefeitura Municipal de Cordisburgo; Conselho Municipal do Patrimônio; E.E. Cláudio Pinheiro de Lima; EE Mestre Candinho; E.M. Octacílio Negão de Lima; Comunidade de Cordisburgo.

Breve histórico:

Cordisburgo fica a 120 quilômetros de Belo Horizonte. Ela é pequenina, tem menos de 10 mil habitantes. Cordisburgo é terra do escritor João Guimarães Rosa, autor do Grande Sertão: Veredas. Principais pontos turísticos; gruta do Maquiné, Museu Casa Guimarães Rosa, Estação Ferroviária, Portal do Grande Sertão e Capelinha de São José.

Boi Rosado é um folguedo de bumba-meu-boi criado em 2008 pelo artista plástico Severino Iabá, em homenagem ao João Guimarães Rosa no ano do seu centenário de nascimento. Depois de 10 anos de muitos Rei-boi-liços Rosados em Minas Gerais, o folguedo visitará pela segunda vez a cidade do nosso ilustre escritor.

Rei-boi-liço Rosado é um termo criado em pelo folguedo Boi Rosado que tem vários significados, como auto, brincadeira, festa, movimento, travessia, ritmo, estilo e etc. Tudo começa com a libertação do Boi Rosado e termina numa explosiva celebração de alegria e esperança.

Comentários sobre o folguedo:

Por Eliane Velozo, artista plástica e fotógrafa em maio de 2018

A iniciativa baseia-se na tomada e retomada de tradições folclóricas – no caso, o bumba-meu-boi – para aglutinar pessoas e gerar sujeitos atuantes no meio sócio-cultural e ambiental, através de ações conjuntas e da elaboração de valores éticos, étnicos e cooperativos que são gerados durante reuniões, ensaios, aparições e projetos do Boi Rosado, onde são elaboradas propostas contemporâneas que se somam no desenvolvimento do trabalho).

Por Fernando Perdigão – artista plástico e crítico de arte, maio de 2018.

Dentro da questão estética, o folguedo do Boi Rosado busca referências na cultura popular tradicional, mas se renova no sentido da utilização de estampas e figurinos contemporâneos, confeccionados coletivamente, com chitas e outros adereços visuais. Neste sentido, pesa a experiência estética e sociológica alcançada por Severino iabá, amadurecida em várias produções, eventos, exposições itinerantes e intervenções urbanas como o  Manifesto das Flores. Já no campo musical, soma-se ao toque dos tambores e cancioneiro popular, a experiência do músico e compositor sergipano  Jorge Dissonância . Tudo isso, acrescido  à experiência individual e coletiva dos componentes do Boi Rosado, é na proposta de buscar um engajamento com a questão ambiental ( com a produção e distribuição de mudas nativas e frutíferas ) produz um movimento cultural muito bem articulado, alegre, festivo e com um fresco que se evidencia no ritmo, na dança e na força social em movimento

A vida é mutirão, de todos por todos, remetida e temperada. ( Guimarães Rosa)

Contato: Severino Iabá (31-991711314)

 

Colaborou: Fernando Perdigão