Estudantes mineiras são finalistas da Olimpíada Nuclear Mundial, na Áustria


Quatro estudantes de Belo Horizonte foram classificadas para participar da final da Olimpíada Nuclear Mundial, que será realizada em Viena, na Áustria, entre os dias 28 de outubro e 1º de novembro.

Para a primeira etapa do concurso, Anna Flávia Peluso, de 24 anos, Edilaine Silva, de 25, Luciana Ribeiro, de 26, e Nathália Medeiros, de 22, fizeram um vídeo para explicar, de maneira sucinta e objetiva, sobre os benefícios da radiação em nossas vidas. Veja:

“O nosso trabalho tem muito a ver sobre o quanto a falta de conhecimento influência na não aceitação do usa da radiação. Ele foi uma forma de gerar uma melhor aceitação e desconstruir o preconceito com o usa das radiações”, disse Nathália, que é estudante de Engenharia Química na Fumec, além de ser bolsista de iniciação científica.

O grupo ganhou nota máxima na avaliação do vídeo, que também ficou entre os 10 melhores. A próxima etapa foi uma entrevista no idioma do país da competição (inglês), na qual elas avançaram mais uma fase.

Para se classificar à grande final, as jovens tiveram que desenvolver um relatório com dados colhidos durante o projeto, avaliando o quanto a falta de conhecimento sobre a tecnologia nuclear pode afetar em sua aceitação.

Para viajar à Áustria e apresentar o seu trabalho, as finalistas estão organizando uma “vaquinha” na internet para a arrecadação de dinheiro, pois a organização da olimpíada só vai custear os gastos de um membro da equipe, Vitor, que é o representante.

“Nós somos uma equipe, e todos nós trabalhamos muito durante toda a olimpíadas para chegarmos até aqui, e por ter sido um trabalho em grupo, com as mesmas tarefas, a gente acha importante desfrutarmos de trazer todos juntos o prêmio na final, queremos viver isso juntos”, concluiu Nathália.

O objetivo da vaquinha é arrecadar R$ 22 mil, que será usado para a compra das passagens, hospedagem e demais custos das quatro estudantes na Europa.

Para saber mais informações sobre o projeto e contribuir com a arrecadação, clique aqui.

Fonte do link