Espião da Segunda Guerra Mundial que fingiu a própria morte e enganou Hitler



Juan Pujol García sentiu um chamado para ajudar o Reino Unido, como espião durante a Segunda Guerra Mundial. E depois de ser rejeitado algumas vezes, ele decidiu enganar os nazistas por conta própria, Hitler incluso, em uma empreitada que foi responsável pelo famoso Dia D. Se não fosse por Juan, é provável que o conflito tivesse tomado outros rumos

Ficha Técnica:

ROTEIRISTA: Victor Lisita / EDITOR DE VÍDEO: Adriana Itacaramby / ILUSTRADOR (THUMBNAIL): Katira / DIRETOR DE FOTOGRAFIA: Gabriel Cunha / DIRETOR DE FOTOGRAFIA: Elder Togisaki / ASSITENTE DE CÂMERA: Kenny Henderson / ASSITENTE DE CÂMERA: GV Silva / CAPTAÇÃO E EDIÇÃO DE ÁUDIO: Jefferson Oliveira / OPERADOR DE ÁUDIO: Carlos de Freitas Santos / DIRETOR E PRODUTOR: Augusto Ijanc / COORD. TÉCNICO YOUTUBE: Muryllo Vilela / CHEFE DE REDAÇÃO E REVISÃO: Priscilla Bernardes / PRODUTOR EXECUTIVO: Luiz Phellype Alves

Link original

Compartilhe:

Comentários