Equador vai às urnas para decidir se segue sob influência de Rafael Correa



Treze milhões de equatorianos são esperados neste domingo (7) nos centros de votação para decidir se querem ou não voltar a estar sob a influência do ex-presidente de esquerda Rafael Correa (2007-2017) -no país, o voto é obrigatório.
Leia mais (02/06/2021 – 23h15)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários