Empresários veem pronunciamento de Bolsonaro com ceticismo

O pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro nesta quarta (2) foi visto no setor privado como uma tentativa de dialogar com o mercado, mas o conteúdo de apelo econômico é recebido com ceticismo.

Ao citar o socorro aos bares e restaurantes por meio do Pronampe, Bolsonaro levanta questionamentos sobre o alcance da medida. Para Carlos Dias, vice-presidente jurídico do SindResBar, entidade do setor, os benefícios foram limitados a micro e pequenas empresas, enquanto as médias e grandes ficaram descobertas.

“E o programa veio de uma forma piorada em relação ao do ano passado, com juros mais altos”, afirma Dias, que relata um temor entre os empresários de que os recursos não sejam liberados com fluidez.

“Esperamos que o Pronampe seja efetivo, que não fique apenas em promessas. A gente entende que não vai ser suficiente para resolver a crise no setor de bares e restaurantes”, diz.
Leia mais (06/03/2021 – 15h43)

Fonte do link