Dólar ficará por mais tempo nos R$ 4, projetam analistas

Há entre os economistas o conceito de valor justo de um ativo, mas assim como os turistas que adiam seus planos de viagens para o exterior, a maior parte desses especialistas não têm considerado o novo valor do dólar, ao redor dos R$ 4,15, o correto. 

Existem explicações do porquê a moeda subiu e nada indica que voltará a cair tão cedo, para o desgosto de quem planeja férias para fora do país.

O mercado tem trabalhado com o valor de R$ 4 para o novo piso do dólar.

A primeira explicação para essa completa mudança de patamar do câmbio -frustrando as expectativas de quem, no começo do ano, projetava a moeda a R$ 3,60? está na entrada e saída de dólares da economia brasileira, chamada de fluxo cambial.

No acumulado do ano, há uma saída líquida de quase US$ 9 bilhões, ante a entrada de mais de US$ 20 bilhões no mesmo período de 2018.

Aqui vale a regra de oferta e demanda: se há menos dólares na economia, mais cara a moeda americana se torna em relação ao real.
Leia mais (09/30/2019 – 02h00)

Fonte do link