Coronavírus terá efeito colateral de ampliar desigualdade na educação



Ao redor do mundo a pandemia do novo coronavírus desafia estudantes, pais, professores, escolas, redes públicas e privadas. Neste momento há mais dúvidas que certezas em relação ao método mais adequado para garantir a aprendizagem por ensino remoto, quando e como deve ser realizado o retorno às aulas presenciais e o que deve ser feito no retorno para recuperar as aprendizagens dos alunos.

Por fim, há ainda a dúvida em relação ao impacto da pandemia na educação básica: o que muda?

Se temos uma certeza nos dois hemisférios é a de que a desigualdade educacional será ampliada nesse período. A articulista do The New York Times Dana Goldstein listou três estudos interessantes sobre o impacto da epidemia do Covid-19 no desempenho dos 55 milhões de estudantes americanos. Nenhum deles nos dá notícias alvissareiras.
Leia mais (06/13/2020 – 16h39)

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

1 + 8 =