Coronavírus: 65 idosos de asilo em Unaí testam positivo para Covid, e 7 morrem


Sorridente, Maria Luiza aparece em imagens de vídeo erguendo em frente à cabeça uma folha de papel pela qual comemora a própria vitória na luta contra a Covid-19. A mulher é uma entre os 65 idosos acolhidos pelo Abrigo Frei Anselmo, em Unaí, na região Noroeste de Minas Gerais, que testaram positivo para a doença.

Sete entre os 65 não resistiram à gravidade de seus quadros de saúde após a infecção pelo coronavírus e morreram no município. Ainda segundo a instituição, que pertence à Sociedade São Vicente de Paulo, quatro outros idosos estão internados no Hospital Municipal de Unaí (HMU), e uma quinta idosa permanece hospitalizada em estado grave na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Santa Mônica de Unaí.

As suspeitas de que um surto poderia ter começado no abrigo começou há cerca de duas semanas, entre 16 e 17 de julho, quando as primeiras amostras para o teste RT-PCR – que fornece o diagnóstico de Covid-19 – foram coletadas. Logo em seguida, em 20 de julho, um mutirão de atendimento médico avaliou todos os residentes no asilo, e foram feitos testes rápidos naqueles idosos com alterações durante exame pulmonar. Cinco dias depois, os primeiros resultados começaram a sair.

O alerta a respeito de um contaminação em massa no abrigo surgiu logo que um cuidador apresentou sintomas semelhantes àqueles da Covid-19. Antes do aparecimento do quadro sintomático, ele havia permanecido como acompanhante de uma idosa internada no Hospital Municipal de Unaí com diagnóstico de ascite, que é uma acumulação de líquido na região do abdômen. Segundo o Abrigo Frei Anselmo, no quarto de hospital onde permaneceu essa senhora, havia ainda outra mulher, que depois de alguns dias testou positivo para o coronavírus.

Em 18 de julho, o técnico de enfermagem que permaneceu como cuidador na unidade de saúde começou a ter sintomas gripais e foi afastado. Depois que esse homem estou positivo, houve uma contaminação considerada comunitária pelo próprio abrigo. Em nota encaminhada à reportagem de O TEMPO, o Abrigo Frei Anselmo esclareceu que outros 16 funcionários também foram diagnosticados com coronavírus. São afastados todos aqueles com sintomas gripais ou que testaram positivo apesar de estarem assintomáticos.

Frente à situação, o asilo criou uma ala específica apenas para idosos com Covid-19, e aqueles que necessitam de internação são encaminhados para o hospital do próprio município. Ainda por meio de um comunicado, a instituição esclareceu que desde o mês de março estão suspensos os encontros entre familiares e idosos acolhidos e também que houve uma intensificação dos processos de higienização na unidade. Aferição de temperatura é feita diariamente, são afastados os funcionários com quadro febril e isolados os idosos na mesma condição.

O abrigo pediu orações às famílias dos 98 idosos acolhidos no asilo. “Nossa luta será ainda maior na prevenção da Covid-19, razão pela qual pedimos orações, que neste momento precisamos de muita força na manutenção de nossos trabalhos que historicamente são reconhecidos pela comunidade”, declarou a direção no documento publicado nessa segunda-feira (27).

Contaminação em asilos

Outros asilos para idosos em Minas Gerais registraram no transcorrer dos últimos cinco meses casos rápidos de contaminação em massa pelo coronavírus entre abrigados e funcionários das unidades.

Entre esses casos está o do Lar São Vicente de Paulo do município de Alfenas, na região Sul de Minas Gerais. Balanço publicado nas redes sociais da casa na última sexta-feira (24) aponta que até aquele momento o lar havia contabilizado 35 casos positivos de Covid-19 entre os idosos, sendo que 11 deles tinham se recuperado.

Doze funcionários do abrigo também testaram positivo para a doença. No documento consta que 12 mortes foram registradas no lar, entretanto não há especificação de quantas delas se referem a idosos e cuidadores. Há ainda uma morte em investigação na unidade.

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

4 × 1 =