Como o patriotismo e uma população de 1,4 bilhão ajudaram a China a se recuperar da pandemia



A ordem veio na noite de 12 de janeiro, dias depois que um novo surto do coronavírus irrompeu em Hebei, província vizinha a Pequim. O plano do governo chinês era ousado e brusco: precisava erguer cidades inteiras de moradias prefabricadas para pôr a população em quarentena, projeto que começaria na manhã seguinte.
Leia mais (02/05/2021 – 23h15)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários