Cidade de Brisbane, na Austrália, tem prioridade para sediar Olimpíada de 2032


Brisbane está mais próxima de sediar a Olimpíada de 2032 após o COI (Comitê Olímpico Internacional) afirmar, nesta quarta-feira (24), que a cidade australiana foi escolhida para iniciar uma conversa formal e detalhada sobre seu pleito de garantir a realização dos Jogos.

Tomas Bach, presidente do COI, disse que a entidade aprovou a recomendação da comissão que cuida das próximas sedes do evento. “Essa comissão recomendou que a direção do COI comece diálogo com Brisbane-2032. O comitê executivo aprovou essa recomendação de forma unânime”, declarou.

A Austrália sediou a Olimpíada pela última vez na edição de Sydney-2000. O país, que tem tradição na realização de grandes eventos esportivos, recebeu neste neste mês seu Grand Slam de tênis, o Australian Open, com presença de público local nas arquibancadas de Melbourne (sede da Olimpíada de 1956).

Diversas cidades, regiões e países já expressaram publicamente seu interesse no Jogos de 2032: Brisbane (Austrália), Indonésia, Budapeste (Hungria), China, Doha (Qatar) e Ruhr Valley (Alemanha), entre outros lugares. O interesse do COI pela candidatura australiana, porém, indica que o comitê tem a sua preferência.

Brisbane ganhou pontos por seu alto percentual de estádios já construídos, experiência na organização de grandes eventos esportivos e clima favorável. A cidade fica no estado de Queensland, na região nordeste do país. Segundo a proposta inicial, os Jogos também se espalhariam por localidades próximas, como Sunshine Coast e Gold Coast.

Em 2019, o COI alterou as regras de candidaturas para reduzir custos e tornar o processo mais simples. Não há mais campanhas oficiais para as sedes antes de um processo eleitoral, como acontecia no passado.
No caso da Olimpíada do Rio-2016, por exemplo, a corrida para angariar apoios contra outras concorrentes gerou acusações de compra de votos que estão na Justiça e provocaram a queda do ex-presidente do Comitê Olímpico do Brasil, Carlos Arthur Nuzman.

Agora, o comitê coloca em votação a sua cidade de preferência, após avaliações da comissão. Isso também evita que candidaturas percam dinheiro em campanhas grandiosas.

Kristin Kloster Aesen, diretor da comissão que trata das futuras sedes, disse que ainda não está decidido quando a votação definitiva acontecerá e que tudo depende do diálogo com Brisbane. “Eles são um projeto bastante avançado, com números que atendem bem aos nossos critérios”, afirmou. As edições de 2024 e 2028 dos Jogos serão realizadas em Paris e Los Angeles, respectivamente.

Fonte do link