Cia Circus de Bonecos, de São Paulo, é atração deste domingo


 
Vai, vai, vai começar a brincadeira. Neste domingo, a partir das 16h, a Cia Circo de Bonecos (SP) apresenta seu espetáculo “Circus – A Nova Tournée”, em formato de live, com direito a intérprete de libras, projeto Diversão em Cena, que irá ao ar no Instagram (@diversaoemcena) e no Youtube da Fundação ArcelorMittal. No picadeiro, três saltimbancos apresentam números inusitados: a Família Ovos com equilibrismo, as Minhocas Trapezistas, o Árabe e seu Camelo abusado, a Mosca Dançarina e muitos outros.
 
Em cena, uma mistura de fantoches, marionetes e bunraku – técnica na qual um mesmo boneco é manipulado simultaneamente por mais de uma pessoa. O diferencial é que os manipuladores ficam à vista do público. “É a primeira vez desde que o Diversão em Cena Online teve início, em abril, com uma atração diferente a cada domingo, que a gente leva  o trabalho do circo, de bonecos, da manipulação de bonecos. Isso, para a gente tem gerado uma expectativa alta, pela oportunidade de trabalhar ainda mais a ludicidade”, explica  Marcelo Carrusca, curador e produtor da Lima Produções.
 
Ele salienta, ainda, a qualidade da trasmissão, “de maneira com que a câmera esteja muito proxima (da ação)”. “Depois desses meses todos, a qualidade técnica tem sido cada vez mais primorosa, agora que a gente já consegue filmar em 4K. Então, acredito que o público vai realmente ter um material muito diferenciado e se divertir. Mesmo porque, a nossa intenção é essa: diversão de qualidade, conteúdo único. Tenho certeza que as crianças irão gostar bastante”.
 
Claudio Saltini, da companhia, ressalva, porém, que, apesar de ser um espetáculo dedicado às crianças, ele não se restringe apenas ao público infantil. “O roteiro foi construído de forma a envolver também os adultos. A intenção é simples: divertir com talento. E os bonecos são encantadores. Um boneco de meia apresentará os números circenses”, diz.
 
Vencedor do Prêmio APCA 2000 de Melhor Espetáculo de Animação, “Circus – A Nova Tournée”  propõe uma montagem na qual a palavra é substituída pelo gesto do clown e pela trilha musical circense, a partir da manipulação precisa de Saltini e Teka Queiroz.

Fonte do link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

13 − doze =