Chico Buarque ganha Prêmio Camões de Literatura


O cantor, compositor e escritor brasileiro Chico Buarque foi o vencedor do Prêmio Camões 2019. O anúncio foi realizado hoje, no Rio de Janeiro. Pela premiação, o músico vai embolsar a quantia de 100 mil euros, algo em torno de 451 mil reais. A honraria é dedicada a escritores lusófonos pelo conjunto da obra.

Chico Buarque é o o 13º brasileiro a levar o prêmio. O vencedor foi escolhido por uma equipe de seis jurados indicados pela Biblioteca Nacional do Brasil, pelo Ministério da Cultura de Portugal e pela comunidade africana. São eles os portugueses Clara Rowland e Manuel Frias Martins, os brasileiros Antonio Cicero Correia Lima e Antônio Carlos Hohlfeldt, a angolana Ana Paula Tavares e o moçambicano Nataniel Ngomane.

Chico Buarque divide sua trajetória artística entre a produção de livros e discos. Como autor, ele já venceu o Jabuti, o principal prêmio literário brasileiro, três vezes, com os romances ‘Leite Derramado’ (2010), Budapeste (2006), e Estorvo (1992).

O Prêmio Camões

Ao todo, um angolano, dois cabo-verdenses, dois moçambicanos, 12 portugueses e 12 brasileiros já venceram o Prêmio Camões.

O último brasileiro a ganhar a honraria foi Raduan Nassar, autor de clássicos como ‘Lavoura Arcaica’ e ‘Um Copo de Cólera’, eleito em 2016. Além dele, os brasileiros ganhadores do Camões são: João Cabral de Melo Neto (1990), Rachel de Queiroz (1993), Jorge Amado (1994), Antonio Candido (1998), Autran Dourado (2000), Rubem Fonseca (2003), Lygia Fagundes Telles (2005), João Ubaldo Ribeiro (2008), Ferreira Gullar (2010), Dalton Trevisan (2012) e Alberto da Costa e Silva (2014).

Fonte do link

Comentários no Facebook