BH tem mais de 1 milhão de infectados pela Covid-19, indica análise de esgotos


O número estimado de infectados pelo novo coronavírus chegou a 1.195.300 em Belo Horizonte, por três semanas, segundo o boletim de monitoramento dos esgotos divulgado nesta sexta-feira (18). O total  representa quase metade da população da cidade, estimada em 2,5 milhões de pessoas. 

Esse foi o maior valor estimado de pessoas infectadas desde o início do monitoramento da Covid-19 no esgoto, no início de abril deste ano. “O maior valor estimado anteriormente foi de cerca de 800 mil pessoas, no final de julho”, aponta o estudo.

O estudo desta sexta mostrou também que em Contagem, na região metropolitana, foram 300 mil infectados, também em três semanas. Todas as regiões monitoradas, tanto na bacia do Arrudas como na bacia do Onça, tiveram resultados positivos para a doença.

“As elevadas estimativas de população infectada observadas desde a semana epidemiológica 43 seguem repercutindo de forma acentuada no aumento dos casos notificados e confirmados em Belo Horizonte”, aponta o estudo. “Este cenário reflete o aumento expressivo da circulação do vírus em Belo Horizonte e indica a tendência de agravamento da pandemia na capital. Ressalta-se, uma vez mais, a importância do fortalecimento de medidas de prevenção e controle para redução da disseminação do vírus no município”, concluem.

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários