Bandidos invadem escola em Betim, picham paredes e quebram câmeras de segurança


Uma escola municipal de Betim, na região metropolitana, foi alvo de vandalismo neste fim de semana. Imagens das câmeras de segurança do circuito interno do prédio flagraram quando um bandido invadiu a instituição, por volta das 17h de domingo (30), pichou várias paredes da unidade e depredou ao menos três câmeras de monitoramento da escola.

A prefeitura informou que um boletim de ocorrência será feito, e que todas as medidas cabíveis já estão sendo tomadas para a identificação e a punição dos autores.

O município declarou ainda que, desde 2018, as escolas municipais receberam repasses específicos para a aquisição e a contratação de empresas de segurança eletrônica para as instituições de ensino. Conforme a prefeitura, a escola Antônio Tereza conta com 24 sensores de presenças e 16 câmeras que monitoram a unidade 24 horas por dia.

“Além de monitorar, a empresa de segurança entra em contato direto com a direção escolar caso haja alguma ocorrência. A escola também conta com um guarda patrimonial, que atende à unidade em sistema de revezamento de dias”, destacou a prefeitura por meio de nota.

Ainda de acordo com o município, com a implantação desse sistema de segurança, houve uma diminuição considerável das ocorrências de vandalismo nas escolas.

“Neste caso especifico, uma pessoa foi flagrada pelo circuito interno, enquanto pinchava as paredes da unidade. É lamentável, porque se trata de um bem público que atende a comunidade. Fatos assim ressaltam a importância da Educação, da conscientização dos nossos jovens, da necessidade do fortalecimento do vínculo com a comunidade e da criação de um sentimento de apropriação do bem público”, destacou a secretária da Educação de Betim, Marilene Pimenta.

Fonte do link