Aniversários na pandemia: festas virtuais para crianças viram tendência


Em pouco tempo, hábitos antigos tiveram que se reinventar diante da pandemia do coronavírus e dos riscos de transmissão da doença. Através das tecnologias digitais, confraternizações e encontros mantiveram os laços estreitos entre amigos e familiares, mesmo isolados em casa. E nos aniversários, data que é ainda mais importante para as crianças, as festas virtuais se transformaram em tendência e acalentaram o coração de quem não pode ter os abraços de parabéns.

Na capital mineira, uma empresa se especializou em organizar esses eventos. Pela tela do celular ou do computador, os convidados se divertem com um personagem escolhido pelo aniversariante mirim, que ainda conta com historinhas e músicas infantis. Também é criado um cenário virtual com o tema de preferência, através de uma plataforma, e o mediador garante a interação entre todos.

Proprietária da Meneio Eventos Online, Marine Bueno conta que a ideia surgiu após diversos pedidos de pais. “Tenho também uma escola de dança, que precisei entregar o espaço físico por conta da pandemia. As aulas são realizadas online e, com o sucesso delas, muitas mães e pais começaram a pedir para que o trabalho também seja realizado nas festinhas de aniversário”, explica.

A estreia do serviço aconteceu em maio, no aniversário da pequena Lara Luíza, que fez cinco anos. E os 60 convidados se divertiram com a interpretação da personagem Rapunzel. “Eu sou a animadora, a bailarina e a artista. Fazemos uma sala de espera para que, de quatro em quatro, as crianças possam interagir com a aniversariante. Nessa festa, a Lara estava em um sítio e montamos toda uma estrutura, que deu muito certo”, afirma. 

E para quem se interessar, a empresa ainda indica parceiros para a realização dos kits de festa, que podem ser entregues na casa de cada um dos convidados. “Nos próximos dias, faremos dois aniversários, de um adolescente e de uma menina, que escolheu como tema a Emília. A procura tem sido grande. Até fizemos uma seresta para um senhor, que convidou vários amigos”, diz.

‘Alegria e satisfação’

Mãe da pequena Lara, a empresária Fabiana Franco, 39, relata que a organização do evento online fez com que a filha se sentisse acolhida no dia do aniversário – por conta da pandemia, qualquer tipo de festa presencial não é recomendada pelas autoridades de saúde diante da aglomeração de pessoas. “Antes do coronavírus, ela queria uma festa em um buffet com todos os amiguinhos. Achei que ela fosse cobrar um outro aniversário assim depois, mas a Lara ficou super satisfeita e feliz”, enfatiza.

No convite, Fabiana propôs que cada participante fizesse um bolinho de aniversário em casa. “Todos fizeram o seu e cantaram os parabéns. Mandamos os convites para os coleguinhas da escola e ficamos até surpresos por todos terem participado. Foi uma diversão para eles”, comenta. O sítio em Jaboticatubas, na região metropolitana de Belo Horizonte, ainda ganhou uma decoração especial da personagem da Disney, com mesa de doces e balões.

“Naquela época, as crianças estavam mais ansiosas por conta da pandemia. Agora vejo que elas estão mais adaptadas”, finaliza.

 

Fonte do link