Alcolumbre leva candidato a presidente do Senado para receber bênção de Bolsonaro



O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), levou seu candidato à sucessão no comando da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para um almoço com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), nesta quinta-feira (24), no Palácio da Alvorada.

De acordo com uma pessoa familiarizada com as articulações envolvendo a candidatura de Pacheco, o encontro foi uma confraternização de Natal a convite de Bolsonaro e durou aproximadamente duas horas. Pacheco ainda não foi oficialmente lançado candidato no Senado.

Na conversa, foi feito um balanço do ano e, segundo essa pessoa, Bolsonaro agradeceu a Alcolumbre por ter evitado o agravamento de crises em momentos de tensão entre Executivo e Legislativo.

Um interlocutor de Alcolumbre definiu o almoço desta quinta como um gesto de Bolsonaro de que não fará resistência à candidatura de Pacheco.
Leia mais (12/24/2020 – 17h17)

Fonte do link

Compartilhe:

Comentários