A história trágica sobre as meninas do rádio



Se você ficou confuso, saiba que estamos falando do rádio elemento químico. No caso que o nosso querido Ivan Lima vai contar hoje, iremos mostrar como a irresponsabilidade de uma empresa custou vidas e mudou completamente as leis trabalhistas dos Estados Unidos. Então, aperte o play e bom vídeo!

Ficha Técnica:

ROTEIRISTA: Mateus Graff / EDITOR DE VÍDEO:Wanessa Costa / ILUSTRADOR (THUMBNAIL): Katira / DIRETOR DE FOTOGRAFIA: Gabriel Cunha / CAPTAÇÃO E EDIÇÃO DE ÁUDIO: Jefferson Oliveira / OPERADOR DE CÂMERA E STEADICAM: Carlos de Freitas Santos / SEGUNDO ASSISTENTE: Danyllo Freitas / DIRETOR E PRODUTOR: Augusto Ijanc / AUXILIAR DE ESTÚDIO: Gustavo Henrique Barbosa / COORD. TÉCNICO YOUTUBE: Muryllo Vilela / DIRETOR DE CONTEÚDO: Eduardo Coelho / CHEFE DE REDAÇÃO E REVISÃO: Priscilla Bernardes / PRODUTOR EXECUTIVO: Luiz Phellype Alves

Link original

37 COMENTÁRIOS

  1. Falta de empatia tremenda com as mulheres se os homens usavam equipamentos de proteção devia ser o mesmo com as mulheres coitadas dessa meninas precisou várias mulheres morrerem para acaba com isso é as leis favorecer a todos os gêneros

  2. Desde que o mundo é mundo, aos olhos de muitos, seus semelhantes não significam nada. Na verdade o elemento mais perigoso e toxico que existe é o próprio ser humano (salvo as exceções é claro). Lastimável.

  3. O chumbo é um metal pesado que é bioacumulativo, ou seja, acaba acumulando progressivamente na cadeia alimentar e não é eliminado com o tempo. Tóxico, cancerígeno, prejudicial ao cérebro e ao sistema nervoso, pode afetar o sistema circulatório, levar ao desenvolvimento de anemia, saturnismo, gerar alterações neurológicas e do sistema reprodutor, além de disfunção renal.
    E está presente na maioria dos cosméticos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezenove − treze =